Unicomm

Integração de Negócios, Processos e Sistemas

..

..

Inteligência de negócios / Performance corporativa

Vários fatores estão levando as empresas a buscar um tratamento mais amplo e integral do processo de gestão e, consequentemente, gerando demandas mais sofisticadas sobre os sistemas de informações:

- Maior exigência na governança corporativa, especialmente sociedades anônimas, que devem, agora, prestar contas de todo o seu processo de gestão, especialmente em decorrência da Lei Sarbenes-Oxley

- Maior necessidade de transparência financeira e administrativa

- Insatisfação crescente, por parte dos shareholders quanto a formas tradicionais de orçamentação e informação de resultados

- Necessidade cada vez maior de controles e métricas mais refinados, buscando diferenciais na eficiência operacional em relação à concorrência

- Os executivos estão sendo cada vez mais cobrados por decisões corretas, em um mundo mais complexo: isto exige a gestão por meio de métricas orientadas a performance, e não a dados contábeis e financeiros tradicionais

Por isto, usar apenas metodologias mais tradicionais para análise de performance não é suficiente, pois é preciso relacionar operação e performance à gestão por meios automáticos.

Os tratamentos integrados para gestão empresarial avançam cada vez mais para o automatismo dos processos decisórios, e cada vez mais integram-se com os processos operacionais. Possibilitam monitoramento contínuo (e até mesmo em tempo real) do mercado, permitindo à empresa formar suas decisões estratégicas com base nas informações que os sistemas de inteligência competitiva entregam, e acessar conhecimentos e informações que elevarão muito a precisão com que o futuro da empresa é avaliado e planejado.

É aqui que entram importantes os recursos de CPM ( Corporate Performance Management), que combinam as tecnologias tradicionais de inteligência de negócios com aplicações analíticas integradas, visando prover uma visão estratégica, balanceada e funcional cruzada (cross-functional) da empresa. Por isto, CPM também é entendido como uma forma de real-time business intelligence.

Em um sentido menos tecnológico, e mais relacionado à gestão, CPM pode ser entendido ainda como o monitoramento de todos os aspectos essenciais para o sucesso da empresa, face aos objetivos e metas previamente estabelecidos, utilizando métricas consistentes, em um processo encadeado de relações de causas e efeitos, de forma que seja possível compreender os resultados alcançados e suas causas, bem como identificar os focos de intervenções necessárias.

Navegue no menú ao lado para conhecer as diferentes soluções Unicomm para Inteligência de negócios / performance corporativa , especificamente apropriadas para atender à suas demandas. Consulte-nos.